Posts Marcados: corpo

Lady Lilith (Dante Gabriel Rossetti, 1867) - www.metmuseum.org

O ser humano é um ser fora de si

Luciene Godoy // Uma frase proferida diversas vezes por Leandro Karnal – historiador e professor da Unicamp – em uma palestra sobre a vaidade permaneceu ressoando de novo e de novo em meus ouvidos. A ideia era mais ou menos

Destacado / Um Comentário
Lady Lilith (Dante Gabriel Rossetti, 1867) - www.metmuseum.org

O ser humano é um ser fora de si

Luciene Godoy // Uma frase proferida diversas vezes por Leandro Karnal – historiador e professor da Unicamp – em uma palestra sobre a vaidade permaneceu ressoando de novo e de novo em meus ouvidos. A ideia era mais ou menos

Destacado / Um Comentário
A Hunting Scene (Piero di Cosimo, 1507–8) - www.metmuseum.org

As três “naturezas” do ser humano

Luciene Godoy // Dentre tantos conceitos acerca do que seria característico do ser humano, do que representaria a sua essência, poderíamos tomar um e dizer que o ser humano é racional. É um animal racional que busca se sobrepor à

Destacado / Deixe um comentário
A Hunting Scene (Piero di Cosimo, 1507–8) - www.metmuseum.org

As três “naturezas” do ser humano

Luciene Godoy // Dentre tantos conceitos acerca do que seria característico do ser humano, do que representaria a sua essência, poderíamos tomar um e dizer que o ser humano é racional. É um animal racional que busca se sobrepor à

Destacado / Deixe um comentário
Diana and Endymion (George Frederic Watts, 1891) - www.metmuseum.org

Especial Namorados (III): Dançar na cama

Luciene Godoy // É impensável escrever uma trilogia sobre o namoro, um presente que quis dar aos meus leitores-namorados no mês dos namorados, sem falar em cama. Há duas semanas, escolhi a metáfora da dança para falar de namoro. Namorar,

Destacado / Deixe um comentário
Diana and Endymion (George Frederic Watts, 1891) - www.metmuseum.org

Especial Namorados (III): Dançar na cama

Luciene Godoy // É impensável escrever uma trilogia sobre o namoro, um presente que quis dar aos meus leitores-namorados no mês dos namorados, sem falar em cama. Há duas semanas, escolhi a metáfora da dança para falar de namoro. Namorar,

Destacado / Deixe um comentário
Dancing Couple (Boardman Robinson, 1924) - www.metmuseum.org

Especial Namorados (II): Quem comanda o casal na dança?

Luciene Godoy // Prólogo: esse mês especial em que decidimos como cultura celebrar o encontro com o ser amado que chamamos comumente de “namoro”, quero passá-lo com você, meu leitor, a falar das novas formas de namorar que já estão

Destacado / Deixe um comentário
Dancing Couple (Boardman Robinson, 1924) - www.metmuseum.org

Especial Namorados (II): Quem comanda o casal na dança?

Luciene Godoy // Prólogo: esse mês especial em que decidimos como cultura celebrar o encontro com o ser amado que chamamos comumente de “namoro”, quero passá-lo com você, meu leitor, a falar das novas formas de namorar que já estão

Destacado / Deixe um comentário
Dancing in Colombia (Fernando Botero, 1980) - www.metmuseum.org/

Especial Namorados (I): Dançar com a vida

Luciene Godoy // Dançar com o outro, com o ser amado, é também dançar com a vida. Dançamos em muitos lugares à condição de termos corpo. Não estranhe essa afirmativa. Ter corpo não é coisa para qualquer um. Ter um

Destacado / Deixe um comentário
Dancing in Colombia (Fernando Botero, 1980) - www.metmuseum.org/

Especial Namorados (I): Dançar com a vida

Luciene Godoy // Dançar com o outro, com o ser amado, é também dançar com a vida. Dançamos em muitos lugares à condição de termos corpo. Não estranhe essa afirmativa. Ter corpo não é coisa para qualquer um. Ter um

Destacado / Deixe um comentário
Clothing the naked (Michiel Sweerts, 1661) - www.metmuseum.org

Consumismo, o enfeite do “eu”

Luciene Godoy // Ao vestirmos uma roupa nova, por exemplo, passamos a possuir um objeto que não tínhamos. Sentimos um bem-estar que pode durar minutos, horas, dias ou até mesmo muito tempo. Durar muito tempo é a exceção, não a

Destacado / Deixe um comentário
Clothing the naked (Michiel Sweerts, 1661) - www.metmuseum.org

Consumismo, o enfeite do “eu”

Luciene Godoy // Ao vestirmos uma roupa nova, por exemplo, passamos a possuir um objeto que não tínhamos. Sentimos um bem-estar que pode durar minutos, horas, dias ou até mesmo muito tempo. Durar muito tempo é a exceção, não a

Destacado / Deixe um comentário

Novas interações pais e filhos

Luciene Godoy // Dizemos que a função dos pais é a de educar seus filhos e que quando estão ensinando, dando lições e explicações, mostrando o que é certo e o que é errado, estão exercendo tal função. É isso

Destacado / Deixe um comentário

Novas interações pais e filhos

Luciene Godoy // Dizemos que a função dos pais é a de educar seus filhos e que quando estão ensinando, dando lições e explicações, mostrando o que é certo e o que é errado, estão exercendo tal função. É isso

Destacado / Deixe um comentário

Não é comigo

Luciene Godoy // Penso que “não é comigo” é a frase menos falada e mais vivida em nossas relações diárias com os outros e com nós mesmos. Não falamos, mas fazemos. Não falamos, mas agimos guiados por esse princípio: o

Não é comigo

Luciene Godoy // Penso que “não é comigo” é a frase menos falada e mais vivida em nossas relações diárias com os outros e com nós mesmos. Não falamos, mas fazemos. Não falamos, mas agimos guiados por esse princípio: o